Censo 2022: concurso tem nova empresa organizadora

  • 25/11/2021
  • 0 Comentário(s)

Censo 2022: concurso tem nova empresa organizadora

O IBGE informou nesta quarta-feira (24) que a Fundação Getúlio Vargas (FGV) será a empresa organizadora do processo seletivo do Censo Demográfico 2022.


Neste processo, serão selecionados 206.891 servidores temporários para as funções de recenseador (183.021 vagas), agente censitário supervisor (18.420 vagas) e agente censitário municipal (5.450 vagas). Haverá vagas em todos os municípios do país.

De acordo com o instituto, ainda serão divulgadas informações sobre o cronograma de inscrições e sobre a devolução das taxas do processo seletivo cancelado.
Devolução de taxas de inscrição
No início do mês, o IBGE informou que ainda não sabia como seria feita a devolução das taxas de inscrição dos processos seletivos cancelados para o total de 204 mil vagas para o Censo.

Para recenseador, a taxa de inscrição era de R$ 25,77. Para agente censitário, o valor era de R$ 39,49.

O g1 questionou ainda quantas pessoas se inscreveram para as seleções, mas o IBGE informou que ainda não tem esse levantamento. A previsão era receber quase 2 milhões de inscrições.

No dia 18 de outubro, o IBGE cancelou o processo seletivo e o contrato com o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe), que era a banca organizadora.

Em nota, o Cebraspe informou na ocasião que a devolução da taxa de inscrição aos candidatos seria realizada pelo IBGE. Já o IBGE disse colocaria nos seus canais os procedimentos para a devolução das taxas de inscrição já efetuadas.

O processo seletivo já havia sido suspenso em abril deste ano. À época, a decisão foi tomada por conta da aprovação, pelo Congresso, do Orçamento para este ano, que reduziu a apenas R$ 71 milhões o valor destinado para a realização da pesquisa, o que inviabilizou a realização do Censo.
Para 2022, o governo vai reservar cerca de R$ 2,3 bilhões para a realização da pesquisa depois de uma batalha judicial. Em maio deste ano, o Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que a administração Jair Bolsonaro está obrigada a tomar as medidas necessárias para realizar o Censo no ano que vem. Por lei, a pesquisa deve ser realizada a cada dez anos. A última ocorreu em 2010.

#Compartilhe

0 Comentários


Deixe seu comentário








Aplicativos


Locutor no Ar

Top 5

top1
1. She believes in me

Kenny Rogers

top2
2. Morro Velho

Milton Nascimento

top3
3. Vulnerable

Roxette

top4
4. You Belong To The City

Glenn Frey

top5
5. La La (Means I Love You)

Delfonics

Anunciantes